ADMINISTRAÇÃO DO SC BRAGA CRITICA DECLARAÇÕES DO PRESIDENTE DO VITÓRIA

Na sequência da entrevista do presidente Júlio Mendes à Rádio Santiago, no passado dia 02 de setembro, a administração do Braga emitiu um comunicado onde repudia as declarações do presidente do Vitória.

António Salvador, presidente do clube arsenalista, considera que Júlio Mendes “tentou, descaradamente, servir-se do SC Braga para uma manobra de diversão. Ainda que flagrante e, portanto, de duvidosa eficácia, não lho permitimos nem permitiremos”. Na referida entrevista, o presidente do Vitória abordou as vendas realizadas pelo Braga, nomeadamente as últimas tornadas públicas, dos jovens atletas Bruno Jordão e Pedro Neto para a Lázio. Ora, no comunicado, a aministração do SC Braga acusa Júlio Mendes de servir-se de mitos e não de factos, aconselhando Júlio Mendes a “preocupar-se unicamente com os seus atos de gestão e prestar informação rigorosa aos vitorianos sobre os mesmos, como por exemplo o real valor e as condições associadas do contrato relativo aos direitos televisivos, anunciado na Imprensa mas nunca exibido aos associados e acionistas para confirmação do tão propalado valor na casa dos três dígitos”. Sobre as transferências realizadas pelo Vitória, António Salvador classifica a gestão do Vitória de “espartana”, permitindo ao clube vimaranense ser o clube “com o segundo maior investimento de todo o futebol nacional, já que referiu ter gasto quase 13 milhões de euros em jogadores ao longo dos últimos meses,com folga para uma derradeira “proposta equivalente a 5 milhões de euros por um avançado do FC Paços de Ferreira”.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?