ALVES PINTO

Nome completo

José Fernando Rodrigues Alves Pinto

Nascimento

28 de outubro de 1949

Guimarães

Profissão

Gestor de Empresas

Alves Pinto tem distribuído a sua vida pessoal e profissional por áreas sociais tão diversas como a educação, a justiça, o desporto, a política, a gestão empresarial, o serviço social, a cultura, a comunicação social ou economia. Agora, encontra-se aposentado da função pública, mas continua a exercer funções em diferentes instituições.

“Estamos cá para servir os outros, não para nos servirmos. Nesse sentido, eu sempre me pautei por valores honestidade, simplicidade, rigor e procura de excelência nas instituições por onde passei”, afirmou Alves Pinto.

Na área de justiça teve o condão de gerir 60 estruturas, onde dirigiu equipas de apoio e implementou as pulseiras eletrónicas no norte do país. Foi colaborador permanente no extinto “o Primeiro de Janeiro”, sobretudo com uma coluna na área de educação. Fez parte da primeira comissão da Escola de João de Meira, quando regressou do ultramar. Altura em que a escola se abriu a toda a gente e sofreu uma transformação enorme. “Passou de uma escola de elites para uma de massas”, recordou o gestor, que acrescenta que se “revolucionou a forma de gerir as escolas”, transformando a escola vimaranense uma escola modelo na altura, como foi reconhecido pelo então ministro Marçal Grilo e pela presidente da associação de pais nacional Maria João Boléo.

Na parte desportiva, permitiu a continuação do voleibol no concelho com a criação de uma equipa de voleibol na escola Francisco de Holanda, quando foi presidente da escola. Teve, ainda, um importante papel na candidatura de Fernando Gomes como Presidente da Assembleia Geral da Associação de Futebol de Braga.

Alves Pinto considera o Lar de Santa Estefânia a maior instituição do género no distrito de Braga. “É o que tem mais estruturas de intervenção e famílias beneficiárias”, disse. O lar abrange a creche, pré-escolar, crianças de risco com lei de proteção, jovens maiores de 18 anos, cantina social, unidade de saúde, cursos de orientação parental, quinta pedagógica em Prazins, representante do gabinete da associação alzheimer m Portugal, entre outras. A instituição beneficia todos os dias cerca de 100 famílias. Alves Pinto alude ainda para os seis mil visitantes à igreja Nossa Senhora do Carmo, só no mês de setembro.

Como Presidente da Liga dos Amigos teve uma intervenção na aquisição de um “Fibrosacan” para o Hospital da Nossa Senhora da Oliveira. O “Fibrosacan”, aparelho que tem um custo de 110 mil euros, permitiu que os utentes de Guimarães se submetessem a uma biopsia ou deslocassem para o Porto.

“É uma satisfação e orgulho, mas mais do que isso é uma obrigação de todos ter uma intervenção comunitária e de cidadania.”

Alves Pinto ocupou o cargo de Presidente da Escola Secundária de Francisco de Holanda (1984-2001), Diretor Regional do Norte do Ministério da Justiça – IRS

(2002-2006), Diretor da Sociedade Martins Sarmento (1990-2002), Presidente do Lions Clube de Guimarães (2001/2002; 2007/2008) e vereador da Câmara Municipal de Guimarães (1995-2002). Neste momento é Gestor de Empresas de Formação, Consultadoria e Estudos (desde 1991), Presidente da Direção do Lar de Santa Estefânia (desde 2004), Presidente da Assembleia Geral da Associação de Futebol de Braga (desde 2011), Presidente da Liga dos Amigos do Hospital Nossa Senhora da Oliveira (desde 2010), Presidente do Conselho Consultivo do Hospital Nossa Senhora da Oliveira (desde 2014), Presidente da Direção do CD Xico Andebol (desde 2012) e Presidente da Direção da Irmandade da Venerável Ordem Terceira de Nossa Senhora do Carmo (desde 2008).

Por: Diogo Oliveira

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?