JOÃO SOUSA OPERA NOVA REVIRAVOLTA E ESTÁ NAS MEIAS-FINAIS DE KITZBUHEL

O tenista da cidade-berço, 62.º classificado do circuito ATP, derrotou hoje o austríaco Gerald Melzer, 150.º, por 2-6, 6-1 e 6-3, ao cabo da uma hora e 50 minutos, em jogo dos quartos de final da prova austríaca, virando o resultado tal como nos dois primeiros encontros. Com uma prestação que já se inclui nas três melhores do ano, Sousa vai discutir o acesso à final com o também austríaco Sebastian Ofner (157.º).

Terceiro jogo, terceira reviravolta no ATP 250 austríaco. O vimaranense “carimbou” a presença nas meias-finais, após retificar a derrota no primeiro set disputado com Gerald Melzer, com um segundo e um terceiro parciais onde se impôs com clareza.

O número um português cometeu vários erros não forçados no primeiro set, mas, tal como nos encontros com o russo Mikhail Youzhny, na primeira ronda, e com o italiano Paolo Lorenzi, na segunda, voltou a elevar o nível a partir do segundo set, acabando por levar a melhor.

A prestação de João Sousa em Kitzbuhel já se inclui nas três melhores do ano, até agora, depois de, logo no início, em janeiro, ter atingido a final do torneio de Auckland, na Nova Zelândia, tendo acabado por perder frente ao norte-americano Jack Sock, e de, em fevereiro, ter chegado às meias-finais do ATP 250 de S. Paulo, no Brasil.

O melhor tenista luso defronta na meia-final mais um adversário da casa, Sebastian Ofner, que ocupa um “ranking” semelhante ao de Melzer. Caso vença o encontro, João Sousa defronta, no encontro decisivo, o italiano Fabio Fognini, 25.º do ranking mundial, ou o alemão Philip Kohlschreiber, 47.º.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?