NICOLINAS: ESTUDO PARA CANDIDATURA À UNESCO APRESENTADO EM BREVE

As Festas Nicolinas, cuja edição deste ano está cada vez mais próxima, pode estar em vias de ser candidata a Património da UNESCO.

A 13 de dezembro do último ano as tradicionais festas estudantis vimaranenses foram inscritas no Inventário Nacional do Património Cultural e Imaterial, da Direcção-Geral do Património Cultural, aquando das comemorações do 15.º aniversário da classificação do Centro Histórico como Património Cultural da Humanidade. Com esta inscrição, a candidatura das Nicolinas à UNESCO passou a ser possível.

Segundo a Câmara Municipal de Guimarães, “será apresentado o estudo brevemente e em função dele, tomar-se-á a decisão quanto à candidatura”. Adelina Paula Pinto, vice-presidente da Câmara Municipal e vereadora da cultura indicou ao Mais Guimarães que a apresentação do estudo será feita ainda este ano.

A intenção de tornar as Festas Nicolinas Património Mundial Imaterial da Humanidade arrasta-se desde 2005, quando o historiador Lino Moreira da Silva, através de um artigo de opinião, deu origem a uma moção apresentada por André Coelho Lima (agora vereador do PSD), em Assembleia Municipal.

Segundo a Câmara Municipal de Guimarães, não há qualquer outra candidatura prevista para um futuro próximo.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?