PARTIDO SOCIALISTA APRESENTA 30 COMPROMISSOS PARA GUIMARÃES

Perante um Largo de Donães bem composto, o PS apresentou as ideias principais que pretende implementar caso seja reeleito na Câmara Municipal de Guimarães. Domingos Bragança mostrou-se otimista pelo facto de a maior parte das obras estarem “asseguradas”.

Um vídeo com as várias obras concluídas pelo Partido Socialista foi passando, ao longo de quase toda a sexta-feira, 08 de setembro, no Largo de Donães, em pleno Centro Histórico de Guimarães. Estava o cenário montado para a apresentação do programa eleitoral de Domingos Bragança, baseado em 30 compromissos para melhorar a vida dos vimaranenses.

Desde o centro da cidade, passando pelas vilas e freguesias da periferia, o partido compromete-se a atuar em áreas como a mobilidade, o ambiente, a cultura e a educação. A continuação da construção da Ecovia é uma das principais bandeiras eleitorais, fazendo com que praticamente todo o concelho seja passível de ser percorrido de bicicleta. Dentro da mobilidade, destaque ainda para os autocarros elétricos, que devem ser introduzidos de uma forma gradual. No programa apresentado pode ler-se que um dos objetivos é “ter em cada vimaranense um eco cidadão”, ou seja “alguém que se preocupa com o ambiente”.

A pedonalização da cidade foi outra das ideias apresentadas. Segundo Domingos Bragança, isto só é permitido através da construção do Parque de Camões, “uma obra que acrescenta cidade à cidade”. Estão ainda previstas intervenções de requalificação na avenida D. Afonso Henriques, Caldeiroa, rua D. João I e Cruz de Pedra. Ainda no que toca à mobilidade, a construção da via do Ave Park (variante Ponte – Taipas), desnivelamento do nó de Silvares e requalificação da estrada nacional 105 são outros compromissos.

No que toca à educação, Domingos Bragança compromete-se a criar o projeto “Escola a Tempo Inteiro” e o programa “Nova Escola, Mais Sucesso”, através das requalificações nas EB 2,3 de São Torcato e Pevidém, nova escola das Taipas, que já se encontra em curso, e Centro Escolar de Moreira de Cónegos e Azurém. Em parceria com a Universidade do Minho, está prevista a instalação do Instituto Cidade de Guimarães, no AvePark, transformando-o na Sede do Centro de Descobertas na Área da Saúde e Biotecnologia. Segundo Domingos Bragança, “esta obra conta com apoios comunitários na ordem dos 100 milhões de euros”.

Os parques industriais também merecem uma atenção especial por parte do Partido Socialista, através da ampliação do parque industrial de Ponte e requalificação dos parques de Selho São Lourenço/Penselo, de Fafião (Briteiros Santo Estêvão) e de São Torcato. Está também contemplada no programa a criação de um parque industrial em Moreira de Cónegos e implementar a incubadora de Empresas de Base Industrial nas antigas instalações da Fábrica do Alto, em Pevidém. A criação de uma incubadora social, enquanto espaço de experimentação de iniciativas de empreendedorismo social e inclusivo, é, para Domingos Bragança, “a sua obra de eleição”, comparando com todas as outras.

Quanto à saúde, o PS pretende criar e implementar um Plano de Saúde e Bem-Estar, com protocolos com o Ministério da Saúde, envolvendo o Hospital Nossa Senhora da Oliveira e Centros de Saúde.

O presidente da Câmara e candidato do Partido Socialista explicou, durante o seu discurso, que muitas destas obras se devem ao facto de a Câmara “captar recursos europeus até aos limites das suas capacidades”. Para finalizar, Domingos Bragança apelou ao voto para ser reeleito e poder concluir as obras que se avizinham e, desta forma, poder “Continuar Guimarães”.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?