PETIT: “TEMOS DE SER UMA EQUIPA CONCENTRADA, COM GRANDE ATITUDE”

O técnico do Moreirense considerou que a sua equipa vai precisar de estar no “máximo” se quiser alcançar os três pontos frente ao Sporting de Braga, um “adversário com muita qualidade”, e ficar em boa posição para atingir a manutenção. Petit confirmou que Fernando Alexandre, Dramé e Roberto estão indisponíveis e que Ramírez está em dúvida para o jogo de sexta-feira.

A formação cónega, 16.ª classificada da Primeira Liga, com 26 pontos, recebe os bracarenses pelas 20h30 de sexta-feira, na abertura da 32.ª jornada, com a hipótese de, em caso de triunfo, aumentar a distância sobre o Tondela, 17.º e primeiro clube abaixo da “linha de água”, para seis pontos e sobre o “lanterna-vermelha” Nacional para nove, ditando a descida dos alvinegros. Ciente da importância do jogo para as contas da permanência, o técnico avançou que o Moreirense deve apresentar a “mentalidade” e a “qualidade” da segunda parte com o Arouca e dos jogos com o Nacional e o Chaves para obter um bom resultado.

“Temos de ser uma equipa concentrada, uma equipa com grande atitude, fazer aquilo que temos vindo a trabalhar aquilo em termos de qualidade de jogo, e estar 100% concentrados. Tanto se ganha no primeiro como no último minuto. Esperamos um jogo difícil, exigente”, adiantou Petit, na antevisão ao desafio.

O treinador, habituado a viver situações aflitivas nas últimas duas épocas – alcançou a manutenção ao serviço do Boavista, em 2014/15, e do Tondela, no ano transato – avisou que o adversário, além da “muita qualidade” e das “individualidades”, é também imprevisível, em função da recente promoção do técnico Abel Ferreira da equipa B para a equipa principal, mas prometeu um coletivo à “procura dos três pontos”, disposto a não repetir a primeira parte do jogo com o Arouca e a dar sequência aos últimos resultados – um triunfo e dois empates.

“O que digo à minha equipa é a nossa mentalidade, que temos de encarar [o que falta] jogo a jogo. Vimos de três resultados positivos – uma vitória na Madeira e dois empates. Se calhar, poderíamos ter mais dois pontos do que os que temos, mas, neste momento, não nos podemos estar a lamentar, mas sim a pensar no que podemos fazer no jogo com o Braga”, analisou.

Petit frisou ainda que, apesar da situação difícil em que se encontra, o Moreirense tem “qualidade” no plantel e depende apenas de si para se livrar da descida.

“Temos três pontos à frente do adversário que está atrás. Dependemos de nós e vamos à procura da nossa felicidade, que é conquistar três pontos e ficar a faltar dois jogos”, observou.

O técnico confirmou as ausências do médio Fernando Alexandre e do avançado Roberto, por lesão, e ainda do extremo Dramé, por ter visto o nono amarelo na jornada anterior, sendo que o ponta de lança Ramírez está ainda em dúvida. O timoneiro dos vimaranenses admitiu que gostaria de ter os jogadores “todos disponíveis”, mas mostrou-se convicto que o jogador que substituir Dramé vai “estar à altura da equipa”.

Petit comentou ainda a adoção do vídeo-árbitro para todas as partidas da edição 2017/18 da Primeira Liga, tendo dito que fica “satisfeito” com a opção e que aprova tudo o que servir “para melhorar o futebol”.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2017 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?