PORTAL DO ASSOCIATIVISMO ESTÁ DISPONÍVEL A PARTIR DE SEXTA-FEIRA

O novo Portal do Associativismo estará disponível a partir desta sexta-feira, 23 de fevereiro, através da plataforma do Município de Guimarães, permitindo maior monotorização de dados de todas as associações que procedam ao respetivo registo.

“Estabelecer maior proximidade, aumentar a eficiência dos processos e garantir maior rapidez de resposta”, são os objetivos apontados pelo vereador do Município de Guimarães, Ricardo Costa, na base do lançamento do novo Portal (www.associativismo.guimaraes.pt).

Esta plataforma é uma aposta voltada para as novas tecnologias, sendo encarada como um meio privilegiado de relação e interação para as mais diversas áreas de intervenção.

A sessão pública de apresentação do Portal decorreu na passada terça-feira, no Centro Cultural Vila Flor, com a presença de algumas dezenas de representantes das associações do concelho, a nível desportivo, cultural e social. “Aquilo que se pretende é uma desmaterialização de processos, cumprindo todos os campos disponíveis com informações das associações, principalmente, as candidaturas submetidas aos subsídios por forma a que possam ser acompanhadas no seu desenvolvimento”, explicou Ricardo Costa.

As funcionalidades do novo Portal do Associativismo são várias, como a desmaterialização das candidaturas aos programas de apoio municipal e disponibilização centralizada de informação, intensificar a presença social e dar visibilidade às ações e iniciativas realizadas pelas diferentes coletividades, conferindo um ponto único de contacto entre as Associações com o Município, bem como a disposição de um sistema de partilha de meios e instalações. Tal como foi anunciado há duas semanas, nesta plataforma irá incidir um calendário partilhado dos eventos culturais do concelho destinado às associações.

Todas as associações devem proceder ao devido cadastro através de uma “palavra-passe” que será disponibilizada. Até ao dia 16 de março, na sequência das candidaturas ao RMECARH, as associações culturais devem proceder ao preenchimento da informação de base da constituição da associação.  O município, entretanto, criou uma equipa de apoio e na semana de 19 de março será promovido um workshop para as associações culturais a fim de esclarecerem eventuais dúvidas na submissão das candidaturas. As associações desportivas (candidaturas ao RMADG) devem submeter o Relatório das Atividades até 30 de junho e submissão das candidaturas até 31 de outubro. As Instituições de Solidariedade Social (candidaturas ao RMISG) devem efetuar a submissão até 30 de setembro.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?