80% DOS ENFERMEIROS DO HOSPITAL DE GUIMARÃES EM GREVE

Os enfermeiros portugueses entraram em greve às 00h00 desta segunda-feira, dia 13 de agosto, e prolongam a paralisação até à próxima sexta-feira, dia 17.

No Hospital Senhora da Oliveira, cerca de 80% dos enfermeiros aderiram à greve, segundo avança José Correia Azevedo, presidente do Sindicato dos Enfermeiros. “O Hospital de Guimarães, no que diz respeito aos serviços mínimos estão assegurados, no que diz respeito às urgências também estão assegurados. Onde há algum transtorno substantivo é naquilo que se chamam os serviços programados, quer em consultas, quer em cirurgias”, assegurou José Azevedo.

O motivo da paralisação tem por base “um acordo coletivo de trabalho” que está por negociar desde “o ano passado, 16 de agosto”, revelou o presidente do Sindicato dos Enfermeiros, acrescentando que “esta greve serve para fazer pressão nesses atrasos”. “Temos andando em reuniões e mais reuniões, protocolos e mais protocolos, temos um inclusive assinado pelo ministro das Finanças e pelo da Saúde a dizer que durante seis meses que tínhamos que ter o negócio terminado. Essa negociação termina no dia 03 de setembro e estamos ainda muito atrasados”, concluiu José Azevedo.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?