ALARGAMENTO DO SISTEMA PAYT EM FASE DE ESTUDO PARA A ZONA DA CIDADE

A vereadora da Câmara Municipal de Guimarães, Sofia Ferreira, anunciou que está “em fase de conclusão o estudo de alargamento da implementação do sistema PAYT para a Zona da Cidade, com uma forte componente comercial, zona mista de contentores enterrados e recolha porta-a-porta, abrangendo um total de três mil habitantes”.

Este anúncio decorreu na abertura da Conferência Final “Value Portugal”, esta sexta-feira, 22 de junho, na Plataforma das Artes, numa organização do Centro para a Valorização de Resíduos (CVR). Sofia Ferreira fez alusão a vários projetos relacionados com a reciclagem e recolha de resíduos urbanos, assim como na área dos biocombustíveis em colaboração com o CVR.

A vereadora do Ambiente no Município de Guimarães evidenciou o Sistema PAYT, implementado desde 2016 no Centro Histórico, com uma população abrangida de 1533 habitantes, 34 ruas e um total de 638 fogos. O PAYT contempla 595 utilizadores, sendo 55% domésticos e 45% não domésticos. As metas foram amplamente superadas, com dados de abril de 2018, considerando um aumento de 126% na recolha seletiva e uma diminuição de 35% de resíduos diferenciados. Em 2019 está previsto iniciar uma nova fase de implementação do PAYT.

A conferência “Value Portugal” abordou vários temas como “Avaliação Legislativa ao Regime de Resíduos”, “O Presente e o Futuro do subsetor materiais recicláveis”, “Programas de Financiamento Europeu dirigidos ao setor”, apresentação de estudo “Benchmarkting Portugal – Europa na área dos resíduos urbanos e não urbanos”, entre outros.

Jorge Araújo, diretor do CVR, destacou as linhas estratégicas assentes na inovação científica e boas práticas ambientais, num trabalho ainda muito recente, mas conta já com 82 parceiros. Em representação da CCDR-N, Ricardo Magalhães elogiou o projeto do Centro para a Valorização de Resíduos (CVR) face ao “reconhecimento generalizado”. Alertou que estes projetos devem ter uma “evolução gradual” e com base numa “relação de confiança e proximidade”, apontando Guimarães como um “exemplo”.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?