André Amaro é ativo para rentabilizar

André Amaro é aposta de futuro e ativo para rentabilizar. O jovem defesa, de 18 anos, foi titular em Alvalade pelas mãos de João Henriques e, apesar do desaire coletivo, André Amaro, que também pode jogar no meio-campo defensivo, correspondeu com qualidade à aposta do treinador que, na presente temporada, já o tinha lançado no triunfo diante o Santa Clara. Descoberto nos juvenis da Académica, André Amaro rapidamente mostrou o seu potencial pelas equipas mais jovens vitorianas, razão pela qual foi premiado com um contrato profissional válido até 2023 e uma cláusula rescisão de 30 milhões de euros.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?