ATRASOS NAS BOLSAS DE ESTUDO MOTIVAM REAÇÃO DA JSD

Ainda não foram pagas as bolsas de estudo atribuídas pela Câmara Municipal de Guimarães aos alunos do ensino superior, do concelho, em situação de vulnerabilidade económica. A poucos dias do final do ano letivo, esta é uma situação que preocupa a Juventude Social Democrata.

Os jovens interessados em usufruir deste apoio do município apresentaram a sua candidatura até ao final de novembro de 2018 mas o elevado número de candidaturas está a gerar atrasos. Para Eduardo Fernandes, líder concelhio da JSD, esta é uma situação preocupante. “Nós temos uma preocupação bastante grande com este assunto. Como sabem as bolsas são uma ambição antiga do PSD e da JSD, foi algo pelo qual lutamos bastante. O ano passado já foram atribuídas bolsas de estudo mas este ano continuamos neste limbo porque o número de candidaturas subiu e as bolsas ainda não foram atribuídas. A nossa preocupação é que possam existir estudantes do ensino superior que, por este atraso, tenham desistido dos seus cursos. Há uma possibilidade grande disso. Como sabemos, estudar no ensino superior não é barato”, afirmou Eduardo Fernandes.

Este foi já um tema que o PSD levou à reunião de Câmara e que, segundo o líder da JSD, vai voltar a levar esta quinta-feira. “Enquanto isto não estiver resolvido, enquanto não tivermos uma resposta clara por parte do município sobre o que aconteceu, vamos insistir. A resposta foi de que houve muitas candidaturas e, se assim é, isso deve por si só ser motivo de preocupação e levar o município a trabalhar mais depressa, porque se há muitas candidaturas é mau, é sinal que há muita gente a precisar destes apoios. O PSD vai voltar a tocar no assunto, perceber se já está resolvido ou o que se pode fazer. Estamos a acabar o ano letivo”, acrescentou.

Eduardo Fernandes referiu que o PSD e a JSD estão dispostos a trabalhar numa solução para que esta situação não se volte a repetir. “É preciso tentar perceber o que correu mal e tentar ajudar a construir uma alternativa para que no próximo ano letivo isto não aconteça e não caia no esquecimento”, concluiu.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?