AVALIAÇÃO BANCÁRIA À HABITAÇÃO VOLTA A DESCER, MAS M² DOS APARTAMENTOS SOBE

O valor do m2 dos apartamentos continua em tendência crescente em Guimarães, tendo aumentado 13 euros de novembro para dezembro de 2018. Já o valor nas moradias está mais baixo, com aquela que foi a primeira descida desde junho de 2018.

 

 

Comprar casa em Portugal continua a ficar mais caro a cada mês que passa. De acordo com os dados revelados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o valor médio de avaliação do m2 aumentou para 1220 euros, um novo máximo desde 2008.

Ainda assim, Guimarães tem números que vão contra esta tendência e apenas os apartamentos ficaram mais caros em dezembro de 2018, em comparação com o mês anterior. As moradias estão mais baratas e a média das habitações, no geral, também está mais baixa.

O m2 de um apartamento no concelho vimaranense custa, em média, 1056 euros. Este foi o valor de dezembro de 2018, o mais recente divulgado pelo INE, e que reflete um aumento de 13 euros em relação a novembro do mesmo ano, em que o m2 se fixava nos 1043 euros.

Sendo que em junho a avaliação era de 961 euros, é de assinalar um aumento de 95 euros em seis meses, que colocou os apartamentos com um valor superior, em 296 euros, ao mais baixo verificado no período em análise e que se registou em outubro de 2013.

Também em 2013, mas em fevereiro, registou-se o valor mais baixo da avaliação bancária nas moradias, nos 753 euros. Em dezembro de 2018, esse valor estava nos 964, com um aumento de 211 euros.

Ainda assim, as moradias em Guimarães apresentam uma evolução contrária à do país, estando o valor de avaliação a descer desde novembro de 2018. Enquanto que em outubro o m2 custava, em média, 983 euros, em dois meses recuou 19 euros.

Ao compararmos com dezembro do ano passado verificamos ainda uma diferença de dez euros, sendo que nessa altura o preço estava nos 954. Mas, se olharmos para os dados atuais de cidades vizinhas, como Braga, percebemos que Guimarães começa a registar descidas, enquanto que aí ainda se vão assinalando subidas. Em Braga o m2 de uma moradia está nos 1114 euros, sendo que em novembro era de 1099.

Olhando para o panorama geral e tendo em conta as habitações no concelho, percebemos que os valores estão mais baixos. Em dezembro de 2018 o m2 valia 1002 euros, refletindo uma descida de sete euros em relação a novembro e contrariando, pela primeira vez desde junho, a tendência de subida.

O valor mais baixo tendo em conta os anos em análise, que recuam até 2011, verificou-se em setembro de 2013, com 772 euros, o que revela um aumento da 230 euros até à data atual.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?