CARRO DAS GUALTERIANAS GERA INDIGNAÇÃO EM VIZELA

O carro alegórico em questão fazia lembrar uma equipa de reportagem da CMTV, remetendo para um episódio em que uma equipa daquele canal entrevistou um vizelense com problemas mentais.

João Bastos

“Vizela Suspeita de bomba em carro/ Alerta CM/Há muita loucura em Vizela/ A minha mãe sonhou Nando olha a bomba,” são frases reproduzidas no carro e que foram proferidas pelo entrevistado pela CMTV que,no mesmo dia da entrevista foi internado no serviço de psiquiatria do Hospital de Braga, segundo informa o Digital de Vizela.

“É pena que a organização da Marcha Gualteriana (com tanto tempo) em lugar de aproveita todos os momentos do cortejo para enobrecer a sua cidade e história, tenha baixado a este nível, tipo cortejo de Carnaval das freguesias, gozando com uma pessoa doente que em 7 de maio de 2019 num estado delirante falou duma bomba ‘que tinha e não tinha no carro’, pode ler-se no Digital de Vizela. “O cidadão e sua família não merecem isto! E Vizela também não”, termina assim a notícia do orgão de informação do concelho vizinho.

José Almeida, tesoureiro da Marcha, afirma que o carro alegórico só pretendia retratar as reportagens da CMTV e acrescenta que não havia intenção de fazer chacota de ninguém.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?