Celebração do aniversário de Portugal

A Grã Ordem Afonsina e a Santa Casa da Misericórdia de Guimarães vão realizar uma sessão comemorativa do 892º Aniversário da Batalha de S. Mamede e da Fundação de Portugal, pelas 16 horas do próximo dia 24 de Junho, no átrio de entrada do Edifício do Hospital antigo.

Será apresentado o livro LIBERDADE LUSITANA – MYTHO, LENDA, REALIDADE – 900 ANOS PASSADOS E FUTUROS, da autoria do Dr. ABEL DE LACERDA BOTELHO, Presidente da Fundação Lusíada.

Será assinado um PROTOCOLO DE COOPERAÇÃO entre a Grã Ordem Afonsina, a Santa Casa da Misericórdia de Guimarães, o Vitória Sport Clube,a Fundação Lusíada, a Ordem de Ourique, a União de Freguesias de Guimarães, a Confraria Alma do Povo, e outras entidades convidadas de que se aguarda confirmação.

Pretende-se unir esforços entre o maior número de entidades culturais para:

1. Afirmar e fazer valer perante as autoridades políticas competentes e através dos mais variados meios de comunicação falados e escritos, a tese de que Portugal nasceu no dia 24 de Junho de 1128 como consequência da vitória das forças de D. Afonso Henriques na batalha de S. Mamede.

2. Em consequência, desenvolver um projecto para a comemoração conjunta do IX Centenário da Batalha de S. Mamede e da Fundação de Portugal ao longo do ano de 2028, com epicentro em Guimarães, mas com celebrações alargadas a todo o país e ao mundo lusófono.

3. Apoiar a Câmara Municipal de Guimarães no desígnio, publicamente manifestado, de ver o dia 24 de Junho consagrado como DIA DE PORTUGAL e feriado nacional, visto ser este o dia mais indicado para tal consagração.

4. Desenvolver um projecto de Reinvenção do Turismo de Guimarães, após a pandemia do COVID-19, através de debate alargado entre as forças culturais e económicas do sector, a partir das ideias expressas no trabalho com esse título elaborado pela Associação Grã Ordem Afonsima;

5. Apoiar a Câmara Municipal de Guimarães na criação de uma Estrutura de Missão que junte personalidades, instituições públicas e privadas, associações culturais e demais forças vivas de Portugal e do espaço lusófono, com vista a estruturar e implementar em Guimarães o grande farol da cultura lusíada, para futuramente iluminar e mover a defesa e divulgação da paideia lusa por todo o mundo lusófono.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?