Cidades de Braga e Famalicão apresentadas como exemplos a seguir

A Organização das Nações Unidas mencionou, no sumário de políticas “Covid-19 num mundo urbano”, as cidades de Braga e de Famalicão como exemplos a seguir no combate à Covid-19.

Foram destacadas cidades por todo o mundo, tendo em conta condições socioeconómicas, oferta de serviços públicos e resiliência para o futuro. Braga apresenta um apoio na isenção parcial em tarifas de água, saneamento e resíduos urbanos, tal como a cidade de Machakos, no Quénia. Famalicão, tal como a cidade japonesa de Yokohama, apresenta auxílios no pagamento de rendas.

O documento apresentado dia 28 de julho remete-nos para a “necessidade urgente de repensar e transformar as cidades para responder à realidade da Covid-19 e às possíveis pandemias futuras e para se recuperar melhor, construindo cidades mais resilientes, inclusivas e sustentáveis”.

“Para evitar que as pessoas percam o seu local de residência, os governos podem considerar a criação de fundos de emergência, incluindo transferências de dinheiro, e trabalhar com o setor bancário e financeiro para suspender o reembolso de hipotecas, bem como medidas de apoio ao arrendamento”, referiu a ONU.

Porto, Lisboa, e Sintra juntam-se às cidades portuguesas mencionadas no documento, no capítulo de “Políticas e soluções inovadoras para proteção equitativa e recuperação da Covid-19 em configurações urbanas”.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?