Conferência das Nações Unidas em Guimarães reúne países para debater a Governação Eletrónica

A XV da conferência internacional sobre governação eletrónica (ICEGOV) vai reunir altos dignatários dos Governos de Portugal, Cabo Verde, Botswana, Uganda, Áustria e Estónia (nomeadamente o Secretário de Estado da Digitalização e da Modernização Administrativa, Mário Campolargo), representantes executivos (de vários países, incluindo Sérvia, Arábia Saudita e Irlanda), de organizações internacionais (da Comissão Europeia, do Conselho da Europa e da família da ONU – Organização das Nações Unidas), diplomatas, e investigadores internacionais e nacionais para debaterem a “Governação para a Prosperidade Social, Económica e Ambiental”, na cidade de Guimarães.

A conferência é organizada pela Unidade Operacional de Governação Eletrónica da Universidade das Nações Unidas (UNU-EGOV – United Nations University Operating Unit on Policy-Driven Electronic Governance) e pela Universidade do Minho e decorre entre os dias 4 e 7 de outubro.

Entre os destaques do programa encontram-se a apresentação e o lançamento do Ranking de Governo Eletrónico 2022 pelo Departamento de Assuntos Económicos e Sociais das Nações Unidas (UNDESA – United Nations Department on Economic and Social Affairs). Os governos de todo o mundo vão conhecer a posição que ocupam em termos de desenvolvimento do governo eletrónico na Mesa Redonda 1, no dia 4 de outubro.

Destaque ainda para a dinamização de um Workshop pela Agência para a Modernização Administrativa (AMA), que reforça uma aposta na descentralização e traz para Guimarães uma sessão dedicada ao tema “Governo Digital em Portugal: Tendência, Desafios e Soluções”, no dia 7 de outubro.

O programa é ainda composto por quatro sessões plenárias. Na primeira, destaca-se a presença de Cristina Duarte, Subsecretária-geral das Nações Unidas e Conselheira do Secretário-Geral para a África, e de Ministros do Botswana, de Cabo Verde e do Uganda, que debaterão sobre o multilateralismo no desenvolvimento da governança digital. A segunda, sobre Inteligência Artificial no governo eletrónico, contará com Marta Tonovska (Conselheira Executiva do Primeiro-Ministro da República da Sérvia) e Abdullah Alankary (da Autoridade para o Governo Digital da Arábia Saudita). Na terceira e quarta plenárias, está garantida representação diplomática, com Nele Leosk, embaixadora itinerante para os Assuntos Digitais da Estónia, e Walter Gehr, Ministro Plenipotenciário da Áustria.

O evento é organizado com o apoio da AMA e da Câmara Municipal de Guimarães e é financiado pelo NORTE 2020 Programa Operacional Regional do Norte, promovido pela CCDR-N, para contribuir para a excelência da investigação, do desenvolvimento tecnológico e da inovação no âmbito da consagração dos princípios de programação para a política de desenvolvimento económico, social e territorial em Portugal.

©2023 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?