Contrastaria prolonga serviço gratuito de peças

Através do contacto efetuado pela Câmara Municipal de Guimarães, o presidente da Casa da Moeda, Gonçalo Caseiro, informou o prolongamento da gratuitidade do serviço de transporte seguro por um período adicional de seis meses, até final do ano de 2021.

Foto: INCM

A Câmara Municipal de Guimarães quer, assim, “encontrar soluções duradouras e consolidadas que correspondam às necessidades do setor da ourivesaria”.

O serviço de contrastaria em Guimarães representa, segundo os dados oficiais do Banco de Portugal (2018), um volume de negócios de 17,6 milhões de euros e a criação de mais de 220 postos de trabalho diretos.

O propósito primordial da Contrastaria é “proteger os direitos do consumidor e zelar pela leal concorrência entre os operadores”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?