Depressão Hortense deixou marcas pelo distrito

A depressão Hortense deixou marcas pelo distrito de Braga, na noite passada. Foram registadas um total de 27 ocorrências: 21 quedas de árvore, cinco de estruturas edificadas e uma queda de muro em Barcelos. Em Guimarães caíram árvores nas ruas Alfredo Guimarães, Eça de Queiros e em Moreira de Cónegos.

Foto: DR

A queda de uma árvore em Moreira de Cónegos, na rua do Outeirinho, levou à intervenção dos Bombeiros Voluntários de Vizela (BVV).

Os BVV foram alertados para a ocorrência pelas 22h39 e mobilizaram para o local uma viatura e três elementos.

A Junta de Freguesia de Moreira de Cónegos, em comunicado, alerta que esta não é a primeira vez que uma situação do género acontece. “A empresa proprietária não tem sido sensível com estes acidentes”, sublinha a autarquia. A Junta afirma que irá contactar a empresa proprietária das árvores, lembrando que “situações graves” podem acontecer no futuro.

Da queda desta árvore não resultaram feridos.

Na rua Eça de Queirós, na freguesia da Costa, também se registou a queda de uma árvore, como consequência do vento. Os Bombeiros Voluntários de Guimarães foram acionados às 00h52, para remover os troncos da via.

Na rua Capitão Alfredo Guimarães, próximo do campus da UMinho, os bombeiros foram chamados a remover uma estrutura metálica que caiu de um telhado. O alerta foi dado às 00h32.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?