Domingos Bragança: “Não há vimaranenses de primeira nem de segunda”

Domingos Bragança venceu as eleições Autárquicas realizadas este domingo, 26 de setembro, com 48,06% dos votos, elegendo, o Partido Socialista, sete vereadores.

© Cláudia Crespo/Mais Guimarães

“Hoje é um dia de alegria para todos os socialistas”, começou por dizer Domingos Bragança no discurso no Toural. “Quero que também seja um dia de alegria para todos os vimaranenses, porque o nosso projeto é presidir Guimarães, com todos e para todos”.

Entre aplausos e gritos, prometeu “total empenhamento” na concretização de projetos, “ambição para continuar Guimarães, nas juntas de freguesia, na Câmara Municipal e na Assembleia Municipal”, e relembrou que “o melhor é ter a humildade democrática e envolver todos os vimaranenses”.

Nesse sentido, e acreditando que “só com todos é que podemos executar e ter sucesso nos projetos”, Domingos Bragança afirmou que “não há vimaranenses de primeira nem de segunda”.

Num momento de “contentamento” e “felicidade” que partilhou com alguns vimaranenses presentes no largo do Toural, expressou “gratidão” aos que confiaram na sua recandidatura, em José João Torrinha, reeleito para a Assembleia Municipal, e em todos os candidatos à junta de freguesia.

Educação, cultura, ciência e desenvolvimento sustentável

Para o presidente reeleito há quatro “pilares na sociedade vimaranense, a educação, a cultura, a ciência e o desenvolvimento sustentável”. “Em cada vimaranense há um ecocidadão: é exatamente esse o caminho que queremos seguir”, referiu enquanto celebrava mais uma vitória.

Aproveitou ainda para “agradecer a todos os candidatos dos diversos partidos”, realçando que a presença de sete candidatos “fortaleceu a democracia, a vivacidade das ideias e a discussão de argumentos”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?