Domingos Bragança: “Não podemos baixar a guarda”

© Mais Guimarães

Guimarães prepara regresso à “nova” normalidade, mas sem baixar a guarda de proteção. Em comunicado, a autarquia escreve que o presidente da Câmara Municipal, Domingos Bragança, apela aos munícipes para o cumprimento das normas em vigor.

O país continua em estado de emergência e o cumprimento das normas estipuladas, associadas ainda à ativação no dia 28 de março do Plano Municipal de Emergência de Proteção Civil de Guimarães, é fundamental para evitar a propagação da pandemia da Covid-19. Essa foi uma das conclusões na reunião da Comissão Municipal de Proteção Civil, realizada esta quinta-feira, no sentido de preparar o regresso à “nova normalidade”, pode ler-se no mesmo comunicado.

De acordo com o mesmo documento, o presidente da Câmara Municipal, Domingos Bragança, recordou que foram assumidas medidas necessárias no sentido de proteger a população e apela ao cumprimento das mesmas. “É importante que os nossos munícipes respeitem todas as recomendações, com rigor, no sentido de ultrapassarmos este período incomum. Estamos a fazer um trabalho de máxima cooperação com as entidades e instituições envolvidas na Comissão Municipal da Proteção Civil, no sentido de manter uma atitude de alerta máximo para o cumprimento das restrições impostas”, salientou ainda Domingos Bragança. “A responsabilidade é de todos e de cada um, para combater esta pandemia e não podemos baixar a guarda”, ressalvou o autarca de Guimarães.

Domingos Bragança destacou ainda a máxima responsabilidade para o previsível regresso à “nova normalidade”, mas não pode baixar-se a guarda da proteção de todos. “Temos de ter o nosso Plano de regresso à nova normalidade após o estado de emergência para ganharmos o futuro de um modo sustentável”, afirmou.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?