EDIÇÃO DE 2019 DO RALI DE PORTUGAL NÃO PASSA EM GUIMARÃES

A edição de 2019 do Rali de Portugal não vai passar em Guimarães. O percurso oficial da prova foi divulgado esta segunda-feira, 28 de janeiro e, tal como o Mais Guimarães tinha noticiado no final de dezembro, a prova irá arrancar do centro do país, mais concretamente de Coimbra. Importa lembrar que, nas últimas edições, a cidade berço vinha sendo o palco da apresentação da prova, juntando alguns milhares de aficionados.

“Este ano o Rali vai ser excecional, pois vamos, finalmente, à zona Centro, que era uma grande ambição do Rali de Portugal há já uma série de anos. Com a saída de três câmaras do Norte, pudemos fazer o troço de Góis, Lousã e Arganil. Estamos muito contentes por poder voltar ao Centro e nos aproximarmos do velho figurino do Rali de Portugal”, afirmou Carlos Barbosa, presidente da ACP.

Para dia 31 de maio estão previstas passagens por Coimbra, Lousã, Góis, Arganil e Lousada. No dia seguinte, 01 de junho o Rali estará plenamente instalado no Norte, com especiais em Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto, Amarante e Vila Nova de Gaia. Para terminar, a 02 de junho, Montim, Fafe e Luílhas acolhem as derradeiras etapas, antes da consagração dos vencedores, que decorrerá em Matosinhos. O programa do Rali conta com um percurso de 1.463,55 quilómetros, dos quais 311,59 são cronometrados, ao longo de 20 especiais de classificação.

“É fundamental que o comportamento do público seja rigoroso, porque não faz sentido amanhã o presidente da Comissão do Campeonato do Mundo de Rali ser português e ser ele próprio a tirar o Rali de Portugal por razões de segurança”, alertou Carlos Barbosa.

A edição de 2019 do Rali de Portugal irá decorrer entre 30 de maio e 02 de junho.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?