ELISABETE MATOS ASSUME DIREÇÃO ARTÍSTICA DO TEATRO NACIONAL SÃO CARLOS

@Rui Soares

O Ministério da Cultura divulgou, esta segunda-feira, a nova direção artística do Teatro Nacional São Carlos (TNCS), em Lisboa. Em comunicado, a tutela apontou o nome de Elisabete Matos, natural de Caldas das Taipas, como sucessora de Patrick Dickie. A soprano assume o cargo a 01 de outubro.

Com uma carreira internacional que já passou dos 25 anos, a soprano pisou muitos dos palcos mais importantes: Metropolitan Opera House, em Nova Iorque, Teatro alla Scala, em Milão, Washington Opera, Teatro Real de Madrid ou Opéra du Nice são alguns exemplos. Em 2000, Elisabete Matos venceu um Grammy “pela gravação do papel titular de La Dolores, de Bretón, com Plácido Domingo, para a Decca”, informa o comunicado da tutela. Elisabete Matos é professora adjunta convidada na Escola Superior de Artes Aplicadas (ESART) desde 2014. Em 2017, assumiu o cargo de diretora artística do Festival Internacional de Música Religiosa de Guimarães.

Luís Soares, presidente da Junta de Freguesia de Caldelas, congratulou a próxima diretora artística do TNCS com uma publicação no Facebook: “Esta nomeação é o reconhecimento do percurso artístico, da qualidade das suas características pessoais e humanas.”

Na mesma nota, o Ministério da Cultura agradeceu “o empenho e profissionalismo” com que Patrick Dickie “desempenhou as suas funções”. O ex-diretor artístico do TNCS demitiu-se em junho passado, alegando não ter condições para “equacionar a continuidade” no cargo. O seu mandato terminou o passado sábado, 31 de agosto.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?