GNR das Taipas identifica suspeito de lenocínio

O Comando Territorial de Braga, através do Posto Territorial das Caldas das Taipas, identificou um homem de 43 anos, por suspeita de lenocínio, em Vila de Caldas das Taipas, dia 26 de julho.

No âmbito de uma operação em estabelecimentos de diversão noturna, que visava o combate à criminalidade em geral, os militares da GNR identificaram o proprietário de um dos espaços, por suspeita de lenocínio, ou seja, crime de aliciação para fim desonesto, nomeadamente para comércio sexual ou prostituição.

Foi ainda detido um homem de 48 anos, por exercer a atividade de segurança privada sem estar habilitado, identificadas 17 mulheres, levantados 20 autos de contraordenação por irregularidades administrativas e 15 autos de contraordenação por falta da utilização equipamento de proteção individual.

O detido foi constituído arguido, tendo os factos sido remetidos ao Tribunal Judicial de Guimarães.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?