GUIMARÃES REFORÇA DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCÊNDIOS

A Câmara Municipal de Guimarães já obteve a aprovação da terceira geração do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios (PMDFCI), pelo Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF). Após consulta pública e aprovação em Assembleia Municipal, este plano ficará em vigor até 2028, sendo que o atual plano ainda vigora até 2020. Esta informação foi anunciada às entidades de Proteção Civil e presidentes das Juntas de Freguesia do concelho, numa reunião realizada esta quarta-feira, 06 março.

A vereadora responsável pela Proteção Civil, Sofia Ferreira, realçou o “trabalho de profundidade que o Município está a desenvolver na área da prevenção da floresta contra incêndios, sendo Guimarães um dos primeiros concelhos do país a avançar já com a terceira geração do PMDFCI”. Sofia Ferreira destacou o trabalho técnico desenvolvido nesta área, assim como a “colaboração de todas as entidades e juntas de freguesias, sem poupar esforços, com a única preocupação de proteger a população e garantir a maior eficácia possível na defesa da nossa floresta”.

A reunião contou com a presença das Juntas de Freguesia do Concelho, PSP, GNR e as corporações dos Bombeiros de Guimarães e Caldas das Taipas, com o intuito de esclarecer ainda a comunidade sobre a entrada em vigor da nova legislação para a realização de queimas e amontoados, que só é permitida após prévia comunicação às Câmara Municipal ou pelo registo no ICNF. O objetivo deste registo passa por concretizar a “alteração de comportamentos na sociedade de modo a que possam ser realizadas as mesmas práticas, mas com um menor risco, ou seja, com uma menor probabilidade de originar incêndios rurais”.

Neste contexto, por uma questão de maior proximidade, foi solicitada a colaboração das Juntas de Freguesia para os necessários esclarecimentos e apoio à população local, sendo que a realização de queimas e queimadas sem autorização prévia incorre em penalização.

Entretanto, está em curso a campanha de prevenção de fogos florestais no sentido de alertar os Munícipes para os cuidados a ter com a limpeza dos terrenos, a decorrer até ao próximo dia 15. A Câmara Municipal, entretanto, já está a proceder à limpeza das faixas de gestão de combustível de acordo com o referido Plano Municipal. Quatro freguesias do concelho são consideradas de 1.ª prioridade para a limpeza de terrenos, como prevenção para os incêndios florestais. São os casos de Gonça, Longos, e a UF de Briteiros São Salvador e Briteiros Santa Leocádia e UF de Leitões, Oleiros e Figueiredo.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?