IPCA: alunos do profissional fazem prova de acesso

Na sexta-feira, dia 24 de julho, mais de 160 estudantes do ensino secundário das vias profissionais realizam no Instituto Politécnico do Cávado e do Ave (IPCA) a prova de avaliação de conhecimentos indispensável ao ingresso e progressão no ciclo de estudos de licenciatura. Mais de 1000 candidatos apresentaram a sua candidatura para fazerem a Prova nos politécnicos da Rede Norte.

A prova, organizada por uma comissão composta por professores do ensino superior e por professores do ensino profissional, é composta por duas partes: um módulo de Português e um módulo específico de Biologia ou Economia ou História da Cultura e das Artes ou Matemática ou Psicologia, e tem a duração de 120 minutos com tolerância de 30 minutos.

O IPCA integra na Rede Norte, juntamente com os Politécnicos de Bragança, do Porto, de Viana do Castelo e a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, na organização e articulação a nível regional da prova de avaliação de conhecimentos e competências. Os candidatos que realizem a prova na Rede Norte e obtenham aprovação (no mínimo 10 valores) podem apresentar a candidatura a um curso de licenciatura de qualquer uma das cinco instituições que constituem a Rede Norte da Associação de Politécnicos do Norte (APNOR). Este novo concurso especial de ingresso foi criado pelo Decreto-Lei n.º 11/2020, de 2 de abril, que alterou e republicou o Decreto-Lei 113/2014, de 16 de julho, e destina-se ao ingresso no ensino superior dos candidatos do ensino secundário dos cursos de dupla certificação de nível secundário e dos cursos artísticos especializados.

O IPCA abriu 58 vagas para os seus cursos de licenciatura para estudantes oriundos da via  profissional. Com este concurso especial, governo e instituições de ensino superior, pretendem o número de estudantes no ensino superior.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?