JULGAMENTO DO HOMEM ACUSADO DE MATAR PROSTITUTA É RETOMADO ESTA QUINTA-FEIRA

O julgamento do homem acusado de matar uma prostituta por asfixia, na Rua da Caldeiroa, continua esta quinta-feira.

Acusado pelo Ministério Público de homicídio qualificado, o arguido de 36 anos, pode cumprir uma pena de prisão que vai dos 12 aos 25 anos. Segundo a acusação, na madrugada de 5 de março de 2016 a mulher terá dito ao arguido que queria terminar a relação amorosa entre ambos, o que terá levado o homem a matar a vítima de nacionalidade brasileira e mãe de dois filhos.

O julgamento continua esta tarde no Tribunal Judicial em Creixomil.

Foto: Mais Guimarães

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?