MANUEL DE OLIVEIRA VOLTA AO CCVF NO SÁBADO, MAS ANTES PASSA PELA CASA DA CRIANÇA

O guitarrista vimaranense tem dois espetáculos agendados em Guimarães. O primeiro acontece esta sexta-feira, na Casa da Criança, às 18h00. No sábado, pelas 21h30, volta aos palcos do Centro Cultural Vila Flor (CCVF).

@João Bastos/ Mais Guimarães

 

No novo projeto de Manuel de Oliveira, a guitarra ibérica cruza-se com outros sons tradicionais, incluindo os do acordeão de João Frade e do violoncelo de Sandra Martins, músicos que o acompanham em palco neste concerto. “Espero um concerto especial, por ser um concerto em casa. É um concerto que vai ter dois convidados muito especiais: a Sandra Martins no violoncelo e o João Frade. Inicialmente estava para ser o percurso normal dos discos que é primeiro ir a estúdio e só depois levá-lo para o palco. Mas, tendo em conta o caráter muito pessoal e muito intimista deste projeto, optamos por fazê-lo ao contrário. Vamos gravar todos os concertos e este não será exceção”, revelou o músico em entrevista ao Mais Guimarães.

Manuel de Oliveira espera mesmo que o espetáculo seja um momento de partilha. “Este [ENTRE] só existe, de facto, se existir eu como artista e alguém do outro lado em tempo real eu acho que ganha um carácter emocional completamente diferente. É esse fio condutor, esse fio que me liga ao público e a outros artistas que participam neste trabalho”, explicou o artista vimaranense.

Nascido a 7 de julho de 1978, em Guimarães, Manuel de Oliveira regressa ao CCVF, 12 anos após a sua última apresentação neste espaço, às 21h30 deste sábado. O guitarrista frisou que Guimarães “é uma cidade que tem muita oferta cultural e, às vezes, não há espaço para as pessoas comunicarem de uma forma muito massificante, nem é muito a intenção deste projeto. Mas à medida que as pessoas vão descobrindo que há um dia por mês, naquele local, que podem ver uma coisa nova e exclusiva e original, num ambiente sempre muito intimista, próximo dos artistas, as pessoas gostam e voltam”.

No espetáculo de sábado, os lucros revertem para a instituição Casa da Criança de Guimarães. O músico preparou ainda miniconcerto para esta sexta-feira, 20 de setembro, às 18h00 no espaço desta mesma associação de apoio à Criança.

Para sábado, o artista espera casa cheia. “A instituição Casa da Criança, que é uma instituição pelo qual tenho muito carinho e uma causa que me emociona, principalmente por isso, porque trata de crianças que não têm família, ou que tem, mas que não estão nas melhores condições. Já algum tempo que eu tinha vontade de procurar dar o meu contributo a esta instituição e surgiu esta oportunidade. Espero contar convosco”, apelou.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?