Moradores “incrédulos” com rampa na Avenida de Londres

Na Avenida de Londres, em Guimarães, foi colocada uma rampa para pessoas com mobilidade reduzida com acesso direto à faixa de rodagem.

O Mais Guimarães esteve à conversa com António Martins Gonçalves, presidente da Junta de Freguesia de Creixomil, que revelou que a colocação desta rampa “foi um pedido das finanças, e foi a zona que a Câmara Municipal encontrou”.

De acordo com Sara Coutinho, representante do projeto Sara Coutinho, “estando esta rampa com acesso à faixa de rodagem está a colocar em perigo as pessoas, que estão sujeitas a levar com um carro em cima”, revela ao Mais Guimarães.

Sara Coutinho teve um acidente e atualmente encontra-se numa cadeira de rodas. Inicialmente foi uma batalha árdua, mas encarou esta situação como uma segunda oportunidade.

O presidente da Junta de Freguesia de Creixomil afirma que esta situação vai ter de ser corrigida. “A rampa é importante para melhorar a mobilidade reduzida, mas naquele caso vamos ter de corrigir, colocar umas raias ou encontrar outra solução”.

Já Sara Coutinho afirma que “Guimarães tem tantas pessoas com competência para tratar destas situações. Agora vão ter de tirar a rampa dali e colocar noutro local e, provavelmente, vão gastar o dobro do dinheiro, enquanto que com alguém que saiba fazer essas acessibilidades ficaria logo de uma vez resolvida a situação”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?