Moreirense empurrado pelo Mafra para fora da Taça de Portugal

Mesmo tendo apontado o primeiro golo da partida, e tendo estado em superioridade numérica a partir do minuto 34, o Moreirense acabou por perder o encontro com a equipa que milita na Segunda Liga, ocupando a sexta posição desse escalão, por 3-1.

© Direitos reservados

Vidigal só soma derrotas nos três jogos realizados no comando da equipa de Moreira de Cónegos, e o Mafra segue pela primeira vez para os quartos-de-final da Taça de Portugal.

No final da partida, referente aos oitavos de final da prova rainha do futebol português, o técnico dos cónegos foi duro nas críticas à sua equipa, afirmando ser necessário que os jogadores “mudem o chip, mudem de atitude e olhem para este projeto de forma diferente”. E foi mais longe, adiantando ter dito também aos jogadores no balneário, que “individualmente não valemos nada, temos de pensar mais no clube do que em nós próprios”.

“Esta equipa terá de mudar o compromisso, se não o fizer irá ter muitas dificuldades”

Lito Vidigal

Quando ao encontro desta quinta-feira, dia 23, que decorreu no Parque Desportivo de Mafra, o Moreirense adiantou-se no marcador contra a corrente do jogo ao minuto 27, através de um ataque rápido e da concretização do avançado Yan Matheus. O Mafra ainda empatou a partida na primeira parte, num penalti convertido por Bura, aos 43, depois de ter ficado reduzido a 10 unidades com a expulsão de Gui Ferreira, que viu o segundo amarelo após uma falta sobre o avançado brasileiro Rafael Martins.

Na segunda parte, a equipa de Segunda Liga consumou a reviravolta, com golos de Pedro Barcelos, aos 79, e Andrezinho, aos 85 minutos.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?