MULHER QUE DESTRUIU JAZIGO DO MARIDO DE EX-AMIGA POR VINGANÇA CONDENADA A PAGAR MULTA

 

Tudo teve origem a partir de uma zanga com uma amiga de longa data. Num caso que remonta a 14 de janeiro de 2017, a mulher em questão, na altura constituída arguida, dirigiu-se ao cemitério onde, de acordo com o tribunal, “pegou na floreira em granito que ali se encontrava” e “arremessou a mesma na direção do tampo do referido jazigo” tendo partido o mesmo “em dois dos seus cantos” e ainda “a floreira”.

Agora, de acordo com uma versão impressa do Jornal de Notícias do passado dia 31 de agosto, o tribunal decretou uma sentença de uma multa de 700 euros, pelo crime de dano qualificado, para além de uma indemnização no valor que ascende os 3800 euros.  A arguida ainda tentou que a sua pena fosse reduzida, algo que foi rejeitado pelo tribunal de Guimarães, com os juízes a considerar que a pena “razoável e ajustada”, tendo em conta as razões que levaram à mesma.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?