MUNICÍPIO QUER TER 26 QUILÓMETROS DE ECOVIA ATÉ 2027

O SUMP (Sustainable Urban Mobility Plans) apresentado pela Câmara Municipal, no documento da candidatura a Capital Verde Europeia 2020, mostra que o objetivo do município passa por aumentar a área para pedestres para os 5.700 metros quadrados. Quanto à ecovia, a previsão é que a distância disponível para os utilizadores chegue aos 14 quilómetros em 2019 e aos 26 quilómetros em 2027. Daqui a nove anos, a Câmara prevê a implementação de 20 “sharing points” de bicicletas e a redução para 465 veículos por cada mil habitantes.

Por entre as 231 páginas do documento da candidatura, tornado público no passado domingo, 29 de abril, destaque para alguns planos para o futuro, principalmente no que toca às emissões de poluentes. O município de Guimarães quer chegar às “zero emissões” no ano de 2050, o que significa uma redução de 100%, algo que, na opinião da Câmara, poderá ser alcançado através da produção de recursos energéticos a partir fontes renováveis, para abastecimento local.

Entre 2018 e 2021, a Câmara Municipal de Guimarães pretende implementar um Sistema de Monitorização do Meio Ambiente, ou seja, algo que permita, de forma periódica, o acesso público a dados em tempo real e informação pertinente no que toca ao ambiente: emissões, qualidade do ar, da água, do solo e ambiente acústico.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?