NUNO CARDOSO REGRESSA A GUIMARÃES COM “TIMÃO DE ATENAS” DE SHAKESPEARE

Este sábado, 05 de maio, às 21h30, as portas do Grande Auditório do Centro Cultural Vila Flor (CCVF) abrem-se para receber “Timão de Atenas”. O encenador Nuno Cardoso regressa, assim, a Guimarães para apresentar a mais implacável obra de Shakespeare, cujo retrato é surpreendente pela sua contemporaneidade. Vilania humana e corrupção, impasses, oportunistas, medrosos, virtude, interesse, tragédia, comédia e história, morte e esterilidade, ganância humana: tudo isto cabe em palco neste retrato de Shakespeare encenado por Nuno Cardoso.

“Timão de Atenas” é a mais implacável obra de Shakespeare sobre a misantropia e constitui quase um insulto moral à depravação humana, recusando suavizar a angústia e a amargura resultantes do embate frontal que se produz no seu seio com a avareza e a ingratidão. Na sua corrosiva visão da loucura humana, “Timão de Atenas” assemelha-se a “Coriolano” pelo desencanto na constatação da prevalência da futilidade como denominador comum da vida. Ontem como Hoje, conflitos políticos terminam em impasses ou na vitória dos oportunistas; a populaça e os seus líderes são instáveis e medrosos; a virtude cede ao interesse.

O retrato que Shakespeare faz de nós em “Timão de Atenas” é surpreendente na sua contemporaneidade. Na acuidade da reflexão e crítica da natureza política e social da humanidade, por mais globalizada e digitalmente comprimida que esteja. No sarcasmo e desânimo para com a absurdidade trágica da vida. Neste sentido, esta peça permanece sombria e desalentadora até ao final, constituindo um severo retrato da vilania humana e da corrupção. Estranhamente, este retrato de 400 anos é o corolário lógico, o grande fresco dramatúrgico que resume e sublima tudo o que se disse e fez após a crise global de 2008 e que se traduziu talvez no período mais negro da sociedade democrática portuguesa.

“Timão de Atenas” é uma coprodução Ao Cabo Teatro, Teatro Municipal do Porto, Centro Cultural Vila Flor, Teatro Municipal São Luiz e Teatro Aveirense.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?