fbpx

“O CONVÍVIO ESTÁ DEBAIXO DE FOGO”

Os órgãos sociais da Associação Convívio, classificam a proposta da sociedade Belos Ares como “inaceitável”.

Na sexta-feira, dia 29 de março, os sócios do Convívio reuniram-se em assembleia geral extraordinária para avaliar a proposta da empresa imobiliária que comprou o edifício onde tem a sua sede e que é o coração da atividade da associação, no largo João Franco.

A direção classifica a proposta da sociedade Belos Ares como “inaceitável”. A sociedade Belos Ares é proprietária de uma unidade de alojamento local, paredes meias com a sede do Convívio, porém, emitiu um comunicado público em que afirmava que não pretendia despejar nem condicionar a atividade da histórica associação cultural vimaranense, sediada no edifício desde meados a década de sessenta. Todavia, a proposta que agora chegou ao Convívio subtrairia partes do edifício que tornariam a atividade da associação inviável.

Segundo os órgãos sociais, a proposta da Belos Ares delimita a possibilidade de haver espetáculos “dentro de horários convencionais e a título excecional”. O presidente do Convívio recorda que, a bem da convivência, o horário do bar já tinha sido reduzido, a 30 de maio do ano passado, antes da aquisição do edifício pela Belos Ares. Esta diminuição da atividade do bar implicou uma “enorme quebra da receita”, o que obriga “a muita imaginação,” para continuar a financiar as atividades da associação.

A direção reconhece o apoio municipal como uma peça fundamental nas organizações do Convívio, mas adianta que sem o trabalho voluntário dos sócios e sem a participação financeira da própria associação “não era possível.” É esta capacidade do Convívio financiar as suas atividades que agora é colocada em risco, com uma redução da receita que, para já, ronda os 2/3.

Leia o artigo na íntegra na edição desta semana do jornal Mais Guimarães.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?