POLÍCIAS QUE AGREDIRAM ADEPTO DO BOAVISTA EM 2014 FORAM ABSOLVIDOS

© Direitos Reservados

O Tribunal de Guimarães absolveu os 11 efetivos do Corpo de Intervenção da PSP acusados de agressão a um adepto do Boavista, que ficou cego de um olho. Os factos remontam a 3 de outubro de 2014, aquando do jogo da 7.ª jornada da Primeira Liga entre Vitória e o Boavista.

“Os autores das bárbaras agressões estão aqui nesta sala, disso não tenho dúvidas. Só não sei é quem foram ou se foram todos, porque ninguém os conseguiu identificar”, referiu o juiz presidente, na leitura do acórdão, de acordo com a Lusa. Portanto, O tribunal deu como provado que houve agressões, mas não conseguiu identificar os agressores.

Os polícias estavam acusados de ofensa à integridade física grave qualificada e remeteram-se ao silêncio ao longo de todo o julgamento. Os 11 arguidos tinham sido destacados, enquanto efetivos do Corpo de Intervenção da PSP do Porto.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?