PS DE GUIMARÃES DEBATEU MOBILIDADE E AMBIENTE NO TERRITÓRIO

A concelhia socialista vimaranense promoveu, no passado sábado, dia 12, um fórum dedicado ao tema para formação e debate dos seus quadros com a participação de especialistas e académicos da área regional.

A mobilidade foi o tema que mais despertou as intervenções dos participantes, sendo também abordadas com aprofundamento a importância do conforto e qualidade no ambiente urbano dos espaços públicos, as políticas da água, a competição entre cidades, a frequência da vida urbana muito para além dos residentes por quem na cidade trabalha e visita.

Laura Costa, projetista na 1ª fase da construção do Parque da Cidade de Guimarães, defendeu a importância da diminuição da circulação no transporte individual e o aumento das deslocações a pé, em transporte coletivo e em bicicleta, e apresentou várias propostas para a melhoria do conforto e estética de recantos da cidade em zonas de estacionamento, escadórios, coberturas verdes de espaços subterrâneos.

Paulo Ribeiro, investigador dos temas de transportes e mobilidade, enfatizou a viragem acelerada que se viverá no transporte com a utilização de aplicações digitais que permitirão um fácil aproveitamento de uma gestão integrada de veículos, sejam eles coletivos ou individuais. “O futuro não é o automóvel, propriedade de cada um, mas a disponibilidade de veículos que cada um utilizará para as suas deslocações pagando uma tarifa”, avançou.

Pimenta Machado, vice-presidente da APA para a região norte, recordou a história dos recursos hídricos da região com a água a ser a força motriz da industrialização do território e a evolução dos últimos trinta anos com os programas de despoluição. “Hoje o Ave está muito melhor que o Tejo”, afirmou.

Por último, Rio Fernandes, catedrático de Geografia da Universidade do Porto, referiu-se à importância da liderança territorial, à competição entre cidades, mas também à importância do intercâmbio das cidades da região, do reconhecimento de uma grande metrópole de 3 milhões de pessoas no litoral entre Aveiro e Viana do Castelo, de uma política integrada nos transportes, na atração económica, no investimento na ciência, no turismo.

No final, o presidente da concelhia, Luís Soares, congratulou-se com as mais-valias adquiridas com o debate ocorrido, acentuando que os participantes ficaram mais enriquecidos para a gestão política que, em nome do PS, irão desenvolver nos mandatos que lhes forem atribuídos pelos eleitores.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?