Reunião do Executivo Municipal aprova conjunto de obras para valorização do território

A Câmara Municipal de Guimarães aprovou esta segunda-feira um conjunto de obras públicas a executar no concelho, “prosseguindo desta forma uma política de coesão territorial em prol dos cidadãos e na valorização do território”, refere o comunicado enviado às redações.

Com um prazo de execução de 9 meses, foi adjudicado e aprovado a minuta do contrato para a empreitada da “Requalificação da escola EB1/JI de Casais / Brito”, pelo preço de €798.940,22 + IVA. As obras passam pela requalificação da Escola de Casais (Brito), pavimentação e requalificação de ruas em Sande S. Martinho e União de Freguesias de Tabuadelo e S. Faustino e Abação e Gémeos.

Desta forma, foi atribuído um subsídio de cerca de 55 mil euros para a Freguesia de Sande S. Martinho, tendo em vista a execução das obras de pavimentação da Rua da Rocha.

Na perspetiva das obras de requalificação a executar na Rua Dr. João Santiago de Carvalho e rua João Paulo II, na União de Freguesias de Tabuadelo e S. Faustino, e tendo em conta a natureza dos trabalhos em causa e o interesse público inerente às obras nas referidas ruas, foi aprovado um valor superior a 74 mil euros, por delegação de competências, para a rua João Paulo II e subsídio no valor de 54 mil euros  para intervenção na rua Dr. João Santiago de Carvalho.

No âmbito das obras públicas, teve ainda início o procedimento para a execução da obra da Rotunda de Ponte, no âmbito da Via do Acesso ao AverPark e ligação ao Parque Industrial de Ponte (EN101). A empreitada terá um custo estimado não superior a €817.456,36 (Iva Incluído), e um prazo de execução não superior a 180 dias.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?