Teatro Praga está de regresso a Guimarães

O Teatro Praga regressa a Guimarães no início do mês de maio depois de “Romeu e Julieta”, no Centro Cultural Vila Flor. Desta vez, trazem duas estreias, “MacBad” e “Info Maníaco”, uma oficina com José Maria Vieira Mendes, a apresentação do work in progress do filme “SuperNatural” e uma conversa com André e. Teodósio, Cláudia Jardim, José Maria Vieira Mendes e Pedro Penim fazem parte do programa de invasão da “Praga em Guimarães”. 

© Direitos Reservados

O Teatro Praga traz a Guimarães a estreia absoluta de “MacBad”, o terceiro projeto de uma série de espetáculos dedicados aos mais novos, inspirados pelas obras-primas do dramaturgo inglês William Shakespeare. Desta vez, o Teatro Praga atira-se a uma das suas peças malditas, Macbeth, a “peça escocesa” que tem como características mais marcantes a presença de um trio de bruxas e as suas profecias. O espectador/protagonista é assim um gamer que garante que a história chega ao fim. O espetáculo recorrerá a mecanismos inspirados em sistemas de jogos famosos de “interpretação de papéis” como Dungeons & Dragons e Game Centers.

“MacBad” terá sessões destinadas às escolas nos dias 6 e 7 de maio e uma sessão dedicada a famílias no dia 8 de maio, sábado, às 10h00, no CCVF.  

O programa do Teatro Praga estende-se à Black Box do Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG) que irá acolher a estreia de “Info Maníaco”, a mais recente criação de André e. Teodósio e José Maria Vieira Mendes, com interpretação a cargo do primeiro. “Info Maníaco” é um “one-man show em que o humano se repensa enquanto entidade figurativa”.

Um ator em cena tanto fala dele mostrando tudo como mostra ser tudo menos ele. Como ponto de partida, uma publicação cheia de poemas, coreografias e receitas de poções mágicas, bem como uma espécie de glossário retrospetivo do trabalho do Teatro Praga.

O espetáculo vai estar em cena na Black Box do CIAJG no dia 7 de maio, às 19h30, e no dia 8 de maio, às 11h00.  

Na tarde de 7 de maio, às 17h00, a presença do Teatro Praga no CIAJG serve de mote para uma conversa em torno do percurso e do trabalho da companhia que terá a participação dos seus elementos André e. Teodósio, Cláudia Jardim, José Maria Vieira Mendes e Pedro Penim, e moderação de Fátima Alçada, diretora artística d’A Oficina.  

Na manhã de sábado, 8 de maio, entre as 10h00 e as 13h00, José Maria Vieira Mendes orientará uma oficina a partir de “Dicionário”, texto dramático de sua autoria, em que os participantes leem a peça em conjunto e discutem-na, aproveitando a conversa para pensar o modo como lemos literatura dramática e como nos relacionamos com as temáticas sugeridas pelo texto. “Dicionário” pretende reproduzir a experiência que não é só a de um jovem em crescimento, mas que perdura pela vida.

O programa que o Teatro Praga preparou para Guimarães culmina com uma conversa e apresentação do work in progress de “SuperNatural”, um filme do próprio Teatro Praga e de Jorge Jácome com a Cia. Dançando com a Diferença. “SuperNatural” é um filme performativo que fala e escuta, que interfere e procura quem está à sua frente. Marcada para as 10h00 de domingo, 9 de maio, esta apresentação terá entrada gratuita, até ao limite da lotação da Black Box do CIAJG, e será seguida de uma conversa presencial em torno da mesma com André Teodósio, José Maria Vieira Mendes, Jorge Jácome (coautor deste filme) e Henrique Amoedo (Direção Artística da Dançando com a Diferença).  

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?