Triunfo saiu do banco

O Vitória venceu no reduto do Gil Vicente, por 2-1, ascendendo provisoriamente ao terceiro lugar da liga, em igualdade pontual com o F.C.Porto e Santa Clara, respetivamente. Bruno Duarte quebrou o jejum e inaugurou o marcador, mas foi do banco que surgiu a solução para o triunfo, com Edwards a assistir Rochinha para o golo da felicidade.




Com Quaresma em bom plano, o internacional português assistiu Bruno Duarte para o golo que deu vantagem ao Vitória ao intervalo. O Gil Vicente entrou melhor no segundo tempo e só a atenção de Gideon Mensah, em cima da linha de golo, evitou o empate. Na resposta, Jacob Maddox teve tudo para ampliar o marcador, mas prevalecerem os reflexos do guarda-redes gilista.

Quem não marca arrisca-se a sofrer e a equipa da casa, por intermédio de Samuel Lino, chegou ao empate. João Henriques reagiu e refrescou o coletivo com as entradas de Holm e Rochinha e arriscou com as saídas de Mumin e Quaresma para as entradas de Edwards e André Almeida. O Vitória empurrou os gilistas para o seu setor mais defensivo e, no penúltimo minuto, viu o coletivo chegar à felicidade, com Rochinha a apontar o golo da vitória.

Os Conquistadores somam agora dez pontos. Na próxima jornada o adversário será o Sporting, no D. Afonso Henriques.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?