BLOCO DE ESQUERDA ACUSA DOMINGOS BRAGANÇA DE “MALABARISMOS PARA CONTORNAR A LEI”

Na sequência do chumbo do Tribunal de Contas ao aumento de capital da Taipas Termal, o Bloco de Esquerda considera que esta decisão confirma as dúvidas que o partido manifestou na Assembleia Municipal, sobre a má gestão dos recursos e a falta de planeamento da atividade daquela cooperativa municipal.

Para o Bloco de Esquerda, “ficou claro que o dinheiro dos vimaranenses não pode financiar atividades tipicamente comerciais, como aquelas que a Taipas Termal tem vindo a querer desenvolver” e que “os milhões que o executivo quer injetar naquela cooperativa deveriam ser usados para o bem comum”.

O Bloco de Esquerda critica ainda o presidente da Câmara por “malabarismos para contornar a lei” e sugere que a verba seja aplicada “em serviços verdadeiramente públicos, que possam ser usados por todos os vimaranenses, sem que a condição económica seja problema”, lembrando que, quer os novos serviços das termas, quer o polidesportivo, estão “vedados à utilização livre”, uma vez que estão sujeitos ao pagamento de taxas “incomportáveis para algumas famílias”, pode ler-se no comunicado às redações.

Sobre as declarações do presidente da cooperativa e vereador da Câmara de Guimarães, Ricardo Costa, que fala do crescimento da Taipas Termal e da criação de emprego qualificado, o Bloco de Esquerda “desafia, por um lado, a cooperativa a assumir a viabilidade económica da atividade, não ficando dependente de sucessivos aumentos de capital, e por outro, o executivo a divulgar as categorias e vencimentos de todos os trabalhadores, uma vez que identificaram a existência de salários baixos e pelo menos 10 vínculos precários, entre contratos a termo e estágios profissionais, para além dos prestadores de serviços, como médicos, que utilizam as instalações da cooperativa como consultórios privados”.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?