“1926-2024. 48 anos a não esquecer. 50 para celebrar” homenageia Democratas de Braga

O Movimento de Cidadania Contra a Indiferença levará a cabo uma homenagem aos Democratas de Braga num programa denominado “1926-2024. 48 anos a não esquecer. 50 para celebrar” que pretende “recordar a ditadura e os que lutaram persistentemente contra o regime, no distrito de Braga”.

Serão recordados os líderes do movimento, designadamente Vitor de Sá e Humberto Soeiro, de Braga, Lino Lima, de Famalicão, e Santos Simões e Eduardo Ribeiro, de Guimarães, entre muitos outros democratas deste movimento.

Em conferência de imprensa realizada na Sociedade Martins Sarmento, foi anunciada a Comissão Promotora de Homenagem aos Democratas de Braga, que no concelho de Guimarães será representada por Wladimir Brito e César Machado, na qual foi apresentado o programa das iniciativas já previstas desde a presente data até 25 de abril de 2024, que assentará no lema “48 anos para recordar, 50 anos para celebrar”.

Foi sublinhada “a importância de sensibilizar as gerações nascidas depois do 25 de Abril para os testemunhos dos tempos da ditadura, da guerra, da censura, da pobreza e do clima de medo que Portugal viveu durante o período da ditadura” e de igual modo, “reforçou-se a ideia sempre presente de que a liberdade não é um valor adquirido mas  antes uma causa pela qual vale a pena e é preciso lutar”.

Foi também anunciado que aqueles membros da Comissão Promotora que o presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Domingos Bragança, mostrou receptividade para organizar iniciativas conjuntas, designadamente as respeitantes ao Centenário de Santos Simões que se realizará em 2023.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?