CarClasse
CarClasse
Caminheiro de Guimarães que está a dar a volta à Europa já chegou a Itália

Um junho espera ser recebido pelo Papa, em Roma.

© Ricky Odissey

Henrique Pereira atravessou a fronteira entre o Mónaco e a Itália, às 11.30 da manhã desta quinta-feira (hora portuguesa). Amanhã, faz seis meses desde que o aventureiro partiu da sede da Junta de Freguesia de Silvares para dar a volta à Europa. O objetivo é passar por 40 países, percorrendo 28 mil quilómetros, ao longo dos próximos quatro anos, sem nunca voltar a casa. Desde o dia 5 de outubro de 2023, já percorreu mais de 3.100 quilómetros, atravessando Portugal, Espanha, França e passando ainda pelo Mónaco, antes de chegar a Itália.

A Páscoa foi passada no Mónaco, onde recebeu a visita do pai e de um amigo.“O meu pai veio da Suíça para passar a Páscoa comigo e tenho um amigo que está a tentar visitar-me, a cada três meses, na cidade onde eu estiver. Já esteve em Marbella e agora em Nice e no Mónaco”, conta o caminheiro ao MG. No almoço de Páscoa do aventureiro vimaranense não faltou o tradicional cabrito, comido no “Cantinho da Saudade”, um restaurante português no Mónaco.

Na cidade francesa de Menton, muito próxima da fronteira italiana, Henrique Pereira encontrou ainda um amigo da sua freguesia natal que se encontra ali a trabalhar. Foi também em Menton que o caminheiro conheceu pessoalmente o benemérito que lhe ofereceu o carrinho que atualmente está a usar, depois de o anterior não ter resistido à dureza da viagem. O dador é um emigrante, também ele natural de Guimarães, que prefere manter-se anónimo.

© Ricky Odissey

Ricky Odissey (como é conhecido nas redes sociais) segue agora para San Remo, depois para Turim e de seguida para Milão, antes de descer a península italiana até Roma. O vimaranense espera poder ser recebido pelo papa, em meados de junho. Só em Itália, Henrique Pereira fará cerca de 1.800 quilómetros, o quer dizer que, quando chegar à fronteira com a Eslovénia, depois de passar por Veneza, já terá cerca de cinco mil quilómetros nas pernas.

Apesar de já ter tido convites para voltar a Portugal por uns dias, para depois retomar a viagem do mesmo ponto, o vimaranense afirma que “isso está fora de questão”. O objetivo continua a ser fazer a viagem toda seguida, voltando a casa apenas no final.

Pelo jornalista Rui Dias.

PUBLICIDADE

Arcol

Partilhar

PUBLICIDADE

Ribeiro & Ribeiro
Instagram

JORNAL

Tem alguma ideia ou projeto?

Websites - Lojas Online - Marketing Digital - Gestão de Redes Sociais

MAIS EM GUIMARÃES