CarClasse
CarClasse
Campanha eleitoral está oficialmente nas ruas do distrito de Braga

A cerca de duas semanas das eleições legislativas de 10 de março, os partidos políticos desdobram-se pelo distrito de Braga com atividades. A campanha eleitoral arrancou oficialmente neste domingo, dia 25 de fevereiro.

© Direitos Reservados

Iniciativa Liberal

Pedro Teixeira Santos, deputado municipal em Guimarães e terceiro candidato por Braga à Assembleia da República, reuniu com a CASFIG e visitou a Igreja de Santa Marinha da Costa.

Na reunião com a administração da CASFIG, que contou com a presença de Paula Oliveira, vereadora com os pelouros da Ação Social na Câmara Municipal de Guimarães, a habitação esteve no centro da atenção. Nessa sessão, o partido identificou “a excessiva burocracia e a necessidade de descentralizar algumas instituições, de forma a facilitar processos,” lê-se em comunicado enviado às redações.

A IL realizou uma visita à Igreja de Santa Marinha da Costa, em que demonstrou a preocupação com o estado de “um dos pilares patrimoniais do concelho de Guimarães e do país. A Igreja, que é propriedade do Estado, encontra-se com um nível de deterioração alarmante e a obra de intervenção continua a ser protelada ano após ano”, acrescenta a nota.

Livre

O deputado do partido, Rui Tavares, estará esta terça-feira, dia 27 de fevereiro, em Braga para uma ação de campanha que incluirá a plantação de uma árvore na Junta de Freguesia de São Victor, às 15h30.

Pelas 16h30, promoverá uma conversa sobre o tema da mobilidade juntamente com Teresa Mota, cabeça de lista do Livre pelo distrito de Braga, na biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.

Bloco de Esquerda

O BE esteve, nesta segunda-feira, dia 26 de fevereiro, ao lado dos professores da luta “Os professores em Campanha”, em Braga. Ao final da tarde, pelas 17h30, o partido político promoveu a iniciativa “Diálogos com a Democracia”, também em Braga.

Já a manhã desta terça-feira, dia 27 de fevereiro, o BE terá uma reunião no Instituto Politécnico do Cávado e do Ave, em Barcelos, e fará uma visita à Igreja de Santa Marinha da Costa. Durante a tarde, com início às 15h00, Bruno Maia, cabeça de lista do distrito de Braga e Marisa Matias reunirão com a Federação Nacional dos Médicos, no Porto.

Catarina Martins estará em Braga, na Junta de Freguesia de S. Victor, ao lado de Bruno Maia e João Carlos Macedo para a conversa “Deixem o hospital de Braga em paz.”

PAN

© PAN

Rafael Pinto, cabeça de lista do PAN por Braga às legislativas visitou este domingo, dia 25 de fevereiro, o mercado municipal de Braga. Na visita, Rafael Pinto defendeu o aumento de fundos para a produção de frutícolas: “A nossa política agrícola deve apoiar os alimentos que mais precisamos de consumir do ponto de vista da saúde, bem como as práticas mais sustentáveis.”

O PAN falou ainda da importância do IVA zero no cabaz de produtos essenciais, que quer ” alargar até Agosto deste ano, para garantir mais poupança às famílias.” Além disso, Rafael Pinto acusa a Aliança Democrática de “hipocrisia” por não defender os agricultores, acrescentando que “no Parlamento Europeu, a família Verde do PAN é a única a votar totalmente contra a Política Agrícola Comum, precisamente por defendermos os pequenos agricultores e boas práticas ambientais.”

CDU

A CDU esteve, nesta segunda-feira, dia 26 de fevereiro, junto dos comerciantes de Terras de Bouro, onde defendeu que é preciso haver uma “política que assuma como central a defesa da produção nacional e defina a agricultura familiar como pilar essencial. A vida vem provando que, com as políticas adequadas, é possível produzir mais e substituir importações por produção nacional”, acrescenta.

O partido pede uma política que garanta o escoamento da produção a preços justos e alerta que é preciso “combater a ditadura dos gigantes da grande distribuição e a fiscalizar as importações”, pode ler-se em comunicado.

Às 11h30 desta terça-feira, dia 27 de fevereiro, a número por às legislativas pelo distrito de Braga, Sandra Cardoso, estará na Junta de Freguesia de São Victor para apresentar publicamente “medidas urgentes para o distrito de Braga”, indica a nota enviada as redações.

AD

© AD

Hugo Soares, cabeça de lista da AD à Assembleia da República realizou uma visita ao centro de acolhimento “O Poverello”, em Braga, onde assumiu “o compromisso de repor uma relação de confiança e previsibilidade com as instituições de solidariedade social”, lê-se em comunicado.

“Se há setor com quem o Estado não pode falhar, é com o setor social. Isso significaria prejudicar as pessoas mais vulneráveis”, defendeu Hugo Soares. O cabeça de lista aproveitou para enaltecer o “trabalho único e absolutamente extraordinário a favor das pessoas que mais precisam, substituindo-se ao próprio Estado nas obrigações de assistência às pessoas mais necessitadas e vulneráveis”.

Para o número um do distrito de Braga. é necessário “melhorar a relação com as instituições sociais, sejam IPSS, misericórdias ou mutualidades, seguindo um modelo contratualizado que garanta provisão dos serviços em condições dignas e humanizantes.”

Recorde-se que, pelo distrito de Braga, há no total 17 candidaturas às eleições legislativas no dia 10 de março. No Tribunal de Braga deram entrada as candidaturas o CDU, PAN, Ergue-te, Iniciativa Liberal, Aliança Democrática, Livre, Bloco de Esquerda, Chega, Nova Direita, Volt Portugal, Alternativa Democrática Nacional, Juntos pelo Povo, Partido Socialista, Nós Cidadãos, Reagir Incluir Reciclar, Alternativa 21 e PCTP/MRPP.

PUBLICIDADE

Arcol

Partilhar

PUBLICIDADE

Ribeiro & Ribeiro
Instagram

JORNAL

Tem alguma ideia ou projeto?

Websites - Lojas Online - Marketing Digital - Gestão de Redes Sociais

MAIS EM GUIMARÃES