COVID-19: HSOG ATUALIZA MEDIDAS PARA CONTER PROPAGAÇÃO

© Mais Guimarães

O Hospital da Senhora de Oliveira de Guimarães (HSOG) divulgou uma “atualização de informação de medidas restritivas e preventivas” no sentido de conter a propagação do Covid-19.

De acordo com a nota emitida, as visitas mantêm-se suspensas, como já tinha sido anunciado, mas há exceções. No serviço de Pediatria, o HSOG permite a permanência de um acompanhante por criança; já no que diz respeito ao serviço de Obstetrícia, “o pai do recém-nascido pode permanecer junto da mãe”. “Outros casos excecionais serão devidamente orientados”, refere a mesma nota.

Quanto aos agentes externos, o HSOG divulga que “as visitas de empresas farmacêuticas e dispositivos médicos” ao hospital estão suspensas, “bem como outros promotores”. “Todas as pessoas autorizadas a entrarem no internamento do Hospital serão submetidas a um rastreio epidemiológico efetuado por um enfermeiro que se encontra na entrada principal”, lê-se ainda.

Os doentes internados devem identificar um contacto privilegiado que receberá, diariamente, informações via chamada telefónica.

Finalmente, e no que diz respeito às consultas externas e ao funcionamento diário do hospital, o HSOG apela a que “os utentes que estiveram em regiões de risco (dentro ou fora do país) e tiverem marcação de consulta externa/hospital de dia devem, previamente, contactar com o SNS 24 antes de se dirigirem ao HSOG”. Só em casos de necessidade é que os utentes poderão fazer-se acompanhar por uma pessoa, no máximo, às consultas. “Os utentes deverão cumprir escrupulosamente os horários das consultas, para que assim se evite aglomerados de pessoas nas salas de espera”, conclui o comunicado do HSOG.

©2020 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?