Cristiano: “A paixão e o amor pelo clube foram decisivos”

Cristiano optou pela continuidade em Campelos. Jogador da terra, o médio enumera um conjunto de fatores que contribuíram para a continuidade. “A paixão e o amor pelo clube foram decisivos para a continuidade. Sou de Campelos e o bairrismo que está inerente a todo este clube e símbolo foram determinantes, bem como o fervor dos sócios que simbolizam o clube. Além disso, também por todas as condições que a direção oferece. Vamos tentar dignificar a camisola”, explicou. Relativamente aos objetivos, o médio é claro. “É uma realidade nova. A luta passa pela manutenção”.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?