Davidson promete regressar ao Vitória em “campo ou na bancada”

Davidson deixou saudades em Guimarães, mas o extremo brasileiro, atualmente ao serviço dos chineses do Wuhan, não esqueceu o Vitória. Cumpriu duas épocas de rei ao peito e, numa longa entrevista ao sitio “zerozero”, o avançado deixou uma certeza, quando foi questionado sobre os seus objetivos para o futuro.

“A minha esposa disse voltar para Portugal. Ambiciono jogar a Liga dos Campeões europeia, apesar de me poder estrear na Liga dos Campeões asiática em 2023. Gostava de jogar a liga inglesa, apesar de ser algo difícil de se concretizar com 31 anos. Era um sonho voltar ao Vitória, mas eu vou voltar de qualquer forma, seja no campo ou na bancada. Isso é garantido”, prometeu.

O jogador recordou ainda o momento da sua chegada a Guimarães, por intermédio de Luís Castro, seu treinador no Chaves. “Tenho uns amigos em Chaves que me falavam muito do Vitória e que me diziam que só ia saber o que os adeptos sentiam quando estivesse lá. É um dos amores da minha vida e só conhecemos a grandeza do clube quando lá estamos. O Vitória é diferente, nem consigo descrever. Entrar no estádio com os adeptos a gritar por ti, a fazer chuva ou a fazer sol… O apoio deles é impressionante e vão contigo para todo o lado. É espetacular. Fico muito feliz por ter sido o primeiro jogador que o Luís Castro quis contratar para a sua aventura em Guimarães”

©2023 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?