Derrota hipotecou o objetivo da Europa

O Vitória voltará a não marcar presença nas competições europeias, após derrota caseira, por 1-3, diante o Benfica, que se apresentou na Cidade-Berço disposto a ajudar Seferovic a tornar-se no melhor marcador da Liga. O Santa Clara fez o seu trabalho e será o sexto representante de Portugal na UEFA.

Entrando em campo a depender de si próprio para alcançar a última vaga europeia, os vitorianos fizeram muito pouco no primeiro tempo. Os encarnados entraram melhor no jogo e criaram problemas à defensiva vitoriana, que teve Trmal na baliza, face à lesão muscular de Bruno Varela no treino de ontem.

Com o Santa Clara em vantagem ao intervalo, o Vitória tinha obrigação de fazer e jogar mais para derrotar os encarnados, mas com Seferovic na luta pelo estatuto de melhor marcador do campeonato, o suíço inaugurou o marcador logo nos minutos iniciais no segundo tempo. Um gesto repetido dez minutos mais tarde, perante as dificuldades do setor defensivo vitoriano para travar o avançado encarnado.

Jorge Fernandes reduziu e ainda deu algum alento, mas insuficiente para empurrar a equipa para o resultado pretendido. O Vitória ainda procurou o golo que desse fôlego para sonhar, mas seria o Benfica, já no período de compensação, a sentenciar o jogo.

©2021 MAIS GUIMARÃES - Super8

Publicidade

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?