ESTRADA EM RISCO DE ALUIR NA RUA DA FONTELA, S. TORCATO

Na rua da Fontela, vila de S. Torcato, a construção de uma moradia familiar tem vindo a dar dores de cabeça à vizinhança. O aterro, aberto no início da construção, tem vindo a acumular as águas das chuvas e saneamento, proveniente de um tubo cortado para a execução da obra.

Nas últimas semanas, a situação agravou-se, com sinais evidentes de risco de aluimento da estrada, fruto da falta de condições de segurança por parte da obra, que se encontra parada. Alberto Martins, presidente da Junta de Freguesia de S. Torcato, diz que desde o primeiro momento está preocupado com a situação. “A estrada é nova e está a ruir. Os funcionários da Junta de Freguesia vedaram parcialmente o acesso, de forma a evitar uma tragédia no local”. O presidente da Junta pede ainda para que a Câmara Municipal “obrigue o proprietário a tomar medidas de segurança”, uma vez que, segundo o próprio, “os locais queixam-se da existência de ratos na via pública e dos maus cheiros provenientes do saneamento a céu aberto”.

Ao Mais Guimarães, o vereador do Urbanismo, Seara de Sá, explica que só agora a Câmara Municipal pode verdadeiramente intervir, uma vez que é evidente a degradação do espaço público. “Vou reportar que há início de degradação do espaço público e isso obriga-nos a uma atuação. Perante esta situação é importante que se afira se a paragem das obras e se as chuvas puseram em causa o espaço público, e se pôs, de que forma e que obras serão necessárias para se realizar no imediato”, afirma o vereador. Seara de Sá é da opinião que poderá ser necessária uma vistoria administrativa, com técnicos, para que o problema fique resolvido. “Estamos numa situação em que convém que o proprietário aja, porque o caminho a seguir, se o alvará caducar, vai ser duro”, afirmou o vereador.

O alvará de licenciamento da obra de construção da moradia unifamiliar n.º 618/2015 foi emitido pela Câmara Municipal de Guimarães a 20 de dezembro de 2015, na altura, pelo então vereador Amadeu Portilha. O prazo para conclusão das obras de construção da moradia, na rua da Fontela, termina a 20 dezembro deste ano.

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2018 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?