Festival da Eurovisão: Uma demonstração de solidariedade

Por Eliseu Sampaio,
Diretor do grupo Mais Guimarães

Causou algum incómodo, a muitos, o facto da Ucrânia ter vencido a edição deste ano do Festival Eurovisão da Canção. Compreende-se algum mal estar porque, de facto, e em condições normais, seria muito pouco provável que vencesse, porque até pudémos assistir a interpretações que nos caíram melhor, nomeadamente a realizada pela nossa Maro com o seu “Saudade”, que alcançou um honroso nono lugar.

Não me espanta que tenha vencido no momento atual e esta demonstração de empatia do público europeu para com os ucranianos até me deixou, honestamente, feliz.

Recorde-se que foi a votação expressiva do público que permitiu aos ucranianos vencerem o certame, porque pelo júri composto pelos representantes dos países participantes, o vencedor seria claramente outro.

Não sendo uma interferência política dos “governantes” foi mais uma mensagem clara de solidariedade do povo europeu, numa altura em que o povo ucraniano sofre os horrores de uma invasão iniciada há cerca de três meses e que provocou, para além de um rasto de destruição e morte, a maior crise humanitária após a segunda guerra mundial, com a deslocação de mais de 10 milhões de pessoas, sobretudo mulheres e crianças.

Por isso, ficaria muito triste se, ao contrário do que assistimos, pudéssemos ter presenciado a um alheamento, a uma demonstração de insensibilidade, de falta de empatia, de uma certa desumanidade dos povos europeus.

Após as manifestações de solidariedade e de apoio dos países europeus, de diversas formas, através dos seus governantes, que esta mensagem da população europeia sirva para lhes demonstrar, aos ucranianos, que não estão sós neste momento difícil. E que daqui a um ano, numa Ucrânia livre e ainda mais democrática, consigam realizar, com êxito, a próxima edição deste festival. Um momento que, como sempre, seja o reflexo da comunhão de alguns princípios que, nesta Europa, desejamos manter.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?