FILIPE MARINHO

Nome completo
Filipe Marinho

Nascimento
08 de abril de 1970, Azurém

Profissão
Empresário

Quando teve que iniciar uma carreira profissional poderia ter sido a área do pai – industrial do vidro – a captá-lo, mas não foi. Circunstâncias da vida. Confessa que até gostaria, uma vez que durante a juventude acompanhou muitas vezes o pai no negócio. Acabou por ser a fluência na língua inglesa a determinar a escolha da profissão. O têxtil naturalmente.
Profissionalmente começou numa histórica empresa vimaranense, a Fábrica do Castanheiro, fundada em 1844, encerrada há alguns anos, num processo de falência. Foi em meados da década de oitenta que deu os primeiros passos, num tempo em que o têxtil nacional ainda era muito diferente. “Naquela altura não era preciso procurar clientes, eles vinham ter connosco.” Portugal tinha acabado de entrar na então CEE (agora UE) e funcionava quase como “a China da Europa.”
Em meados da década de noventa, o mercado já estava a mudar e anunciava mudanças ainda mais dramáticas. Naquela altura, Filipe Marinho já levava dez anos na área comercial têxtil. Iniciou um negócio com uma pessoa próxima que, pouco tempo depois, acabou por perceber que não funcionava. Apartaram-se as águas. Porém, a vontade de empreender estava-lhe no sangue. Na altura a indústria têxtil nacional carecia de bordados e outros materiais para a indústria de lingerie. Tornou-se agente de representações de empresas que forneciam estes materiais.
Foi o passaporte para a aventura. Os conhecimentos que foi fazendo na industria da roupa interior e dos fatos de banho, particularmente com os espanhóis da ES Collection, deram,-lhe o empurrão que precisava para começar. Tornou-se visita frequente das feiras do setor, como a SIL (produto acabado) e a Interfilière (materiais).
A empresa Filipe Marinho -Têxteis (FLM) confunde-se com o homem, de tal forma que, lá trabalha também a esposa. A estagiar na FLM está também a filha, de 23 anos, licenciada em economia e mestrada em marketing. Por ali anda também a cadela labrador da família e é no show room da empresa que está guardada a bicicleta de montanha com que partiu uma clavícula. O filho, de 18 anos, estudante, eventualmente, acabará por ir lá parar um dia.
Afirma que não tem sido difícil gerir o facto de trabalhar no mesmo espaço que a esposa. “Quando se faz aquilo de que se gosta, e eu adoro aquilo que faço, não se vê o trabalho como um esforço, de forma que quando estamos em casa e falamos de trabalho estamos a falar de uma coisa que ambos gostamos.”
A FLM foi somando bons negócios. Chegou a 2012 com 4 funcionários e um volume de faturação anual de 300 mil euros e, para Filipe Marinho, este foi um ano de viragem. Desde essa altura a empresa já investiu mais de meio milhão de euros e tem atualmente em curso mais um investimento, de 100 mil euros, no âmbito do Norte 2020. Atualmente a FLM tem 14 empregados e um volume de faturação anual de 1,35 milhões de euros. Entretanto, a empresa participa numa parceria com uma empresa espanhola de equipamento desportivo a Score Tech – um projeto a começar – que atualmente fabrica em Portugal, mas vende principalmente em Espanha, com mais 10 funcionários.
A visão para os produtos de nicho, juntamente com a capacidade de produzir com muita qualidade em pequenas quantidades fizeram com que a empresa de Filipe Marinho fosse reconhecida no setor da moda íntima gay. “Neste tipo de mercado o preço não é determinante, dificilmente uma marca procura um fabricante sem referências e nós temos já temos essas referências.” Os fatos de banho e a roupa interior da FLM chegam a mercados tão distantes como os EUA, Canadá, Austrália, Brasil e claro a Europa, tanto a do sul como os países do norte, onde tem mantido sempre clientes ao longo dos anos.
Acredita que parte dos investimentos efetuados ainda não começaram a produzir resultados e espera atingir no médio prazo um volume de faturação de cinco milhões de euros anuais.

Por: Rui Dias

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

©2019 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?