Francisco de Holanda entre as 10 finalistas do Prémio Energy Up

A Escola Secundária Francisco de Holanda, em Guimarães está entre as 10 finalistas da edição de 2022 do Prémio Energy Up, a competição em que a Fundação Galp distingue, anualmente, os projetos escolares que promovam consumos energéticos mais eficientes e a mobilidade sustentável.

© Direitos Reservados

A escola vencedora do “Grande Prémio” terá direito à instalação de painéis solares da Galp Solar até um valor de 20 mil euros. Os outros prémios, distribuídos por nível de escolaridade, oscilam entre os 1.000 e os 250 euros para financiamento dos respetivos projetos, em tickets de educação para o agrupamento escolar.

A Escola Secundária Francisco de Holanda foi escolhida pelo seu projeto multidisciplinar “Inversor Solar Portátil”, que aproveita a energia solar através de um processo de conversão que visa produzir energia elétrica e armazená-la em baterias de corrente contínua para posterior conversão em energia elétrica de baixa tensão.

O dispositivo tem uma forma compacta para que possa ser facilmente transportado e utilizado em diferentes locais, nomeadamente entre agrupamentos escolares do concelho. Além das escolas, este produto poderá ser utilizado em ambientes reais e em parceria com entidades e instituições de investigação e de relevo científico.

A cerimónia para o anúncio dos vencedores da edição de 2022 do prémio Energy Up – bem como a entrega dos prémios – está agendada para o Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, e contará também com a presença de escolas finalistas do ensino básico e secundário da Póvoa de Varzim, Santo Tirso, Castelo Branco, Torres Vedras, Sintra, Paredes, Amadora e Lisboa, selecionadas para as três categorias a concurso: primeiro ciclo; segundo e terceiro ciclo; e ensino secundário ou profissional.

©2022 MAIS GUIMARÃES - Super8

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?